Aqui, lê-se, drama e doçura.

Escrevo meus porquês, sem poréns e sem vírgulas.
Meu mundo é perigoso e opcional.
Sou liberta de correntes.
Vivo.

Deixo ser
Deixo estar
Deixo a vida passar
- Observo enquanto escrevo.
Transformo vivência em palavras
e -
Deixo as palavras invadirem o espaço.

Vendo a vida passar; e escrevendo entre aspas.
(Aqui, lê-se, drama e doçura.)

domingo, 9 de agosto de 2009

Teste

Esperava sair desse pesadelo sem nenhum arranhão ou machucado, mas seria como subtamente aparecer água no meio do deserto. Já não acho que tudo vá melhorar, mas se a vida for assim, eu não quero mais vivê-la.
Sabe... eu sempre acreditei que se você imaginar coisas felizes, as coisas serão do jeitinho que você imaginou, mas infelizmente não existe magia.
Eu só quero sair daqui, será que não há um lugar feliz ?
Talvez o problema seja comigo, mas não muda o fato de que eu nescessito sair dessa vida.
Sempre dizem que a vida é uma caixinha de surpresas, eu espero que quem tenha inventado essa frases esteja realmente certo, pois se ela nos dá grandes surpresas, talvez isso não passe de um teste para uma outra e melhor vida.
É só um teste, apenas um teste.

Nenhum comentário:

Postar um comentário